A Voz do Povo do Oeste

Justiça determina que Rodonorte faça canalização do trânsito em praças de pedágio para abertura de cancelas

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email


Segundo a decisão, desvio do tráfego deve ser feito para que motoristas passem pelas praças de pedágio em segurança. Juíza determinou multa de R$ 100 mil por dia de descumprimento. Decisão obriga que concessionária faça a sinalização para canalizar o trânsito na praça de pedágio.
Giuliano Gomes/PR PRESS
Uma decisão da Justiça Federal desta quinta-feira (25) determinou que a CCR Rodonorte faça a canalização do trânsito nas praças de pedágio que administra.
A concessão se encerra à meia-noite de sexta-feira (26) e, até que um novo contrato entre em vigor, as cancelas de pedágio ficarão abertas.
Pedágio no Paraná: veja como ficarão os atendimentos a acidentes e socorro de veículos nas rodovias com o fim das concessões
Com a decisão, a concessionária deve fazer a sinalização e instalar barreiras para que os motoristas desviem o trânsito nas praças. De acordo com a Justiça Federal, o desvio deve ser feito para que os carros passem em segurança pelos locais.
Justiça Federal determina que Viapar faça canalização e sinalização em praças de pedágio para abertura de cancelas
O pedido de tutela de urgência foi deferido a pedido do Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER-PR).
Segundo o DER-PR, a partir do fim de semana, as faixas centrais estarão bloqueadas. Com isso, o tráfego será feito pelas laterais. O mesmo padrão será seguido em todas as praças desativadas.
A concessionária também deve apresentar um cronograma detalhando a reversão de bens nas praças de pedágio.
De acordo com a decisão, uma multa de R$ 100 mil diária pode ser aplicada em caso de descumprimento.
A CCR Rodonorte administra sete praças de pedágio no estado em rodovias da região central e dos Campos Gerais.
O que diz a concessionária
A Rodonorte informou que “continua adotando todas as medidas necessárias para devolver as rodovias ao Poder Concedente ao término do Contrato de Concessão. Nesse sentido, a Concessionária avaliará tecnicamente a solução apresentada pelo Poder Concedente e tomará as providências necessárias para garantir a segurança viária.”
VÍDEOS: Mais assistidos do g1 PR
Veja mais notícias da região em g1 Paraná

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Redação A Voz do Povo Do Oeste

Redação A Voz do Povo Do Oeste

Notícias que talvez Você Goste

Rolar para cima