A Voz do Povo do Oeste

movimento-de-brasileiros-em-cidade-do-leste,-no-paraguai,-aumenta-com-as-compras-de-fim-de-ano

Movimento de brasileiros em Cidade do Leste, no Paraguai, aumenta com as compras de fim de ano

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email


Segundo o Codeleste, 80% dos postos de trabalho na cidade paraguaia foram restabelecidos após a reabertura de Ponte Internacional da Amizade, que liga o país ao Brasil, em Foz do Iguaçu. Movimento no Paraguai aumenta por causa das compras de fim de ano
O movimento de brasileiros em Cidade do Leste, no Paraguai, aumentou nas últimas semanas por causa das compras de fim de ano. O município liga o país ao Brasil, por Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná.
Conforme o Conselho de Desenvolvimento de Cidade do Leste (Codeleste), após a reabertura da Ponte Internacional da Amizade em outubro, cerca de 80% dos postos de trabalho foram restabelecidos no município até esta quarta-feira (23).
Coronavírus: Paraguai adota toque de recolher das 23h às 5h até 10 de janeiro
Com dólar alto, comerciantes apostam em promoções para atrair brasileiros em Cidade do Leste, no Paraguai
A fronteira ficou fechada por quase sete meses e isso impactou significativamente na economia de Cidade do Leste, que depende do turismo de compras. Com a liberação da ponte, cerca de 80% das lojas reabriram no município.
“Após a abertura da fronteira tivemos uma receptividade muito boa de clientes brasileiros. Hoje estimamos que estamos com 60% a 70% do movimento de um ano normal”, disse o empresário Jorbel Griebeler.
Comércio em Cidade do Leste faz promoções para atrair clientes, no Paraguai
Zito Terres/RPC
Na véspera de Natal, quinta-feira (24), o comércio de Cidade do Leste funcionará até às 16h. Para atrair os turistas, os lojistas fazem promoções e congelam a cotação do dólar um pouco abaixo do valor do dia.
Confira a cotação diária do dólar
Segundo os lojistas, os produtos mais procurados nesse fim de ano têm sido celulares, videogames, perfumes, bebidas e brinquedos.
Coronavírus
Por causa da pandemia, é preciso usar máscara para entrar nas lojas. Alguns estabelecimentos dão o item de segurança de graça para os clientes.
Os funcionários medem a temperatura corporal dos turistas e oferecem álcool para as mãos.
Entretanto, nem todas as lojas e visitantes sequem os cuidados necessários para combater a Covid-19.
Desde o início da pandemia, o Paraguai registrou 101.544 casos confirmados do novo coronavírus e 2.120 mortes pela Covid-19, segundo o Ministério da Saúde do Paraguai.
VÍDEOS: Bom Dia Paraná de quarta-feira, 23 de dezembro
Veja mais notícias da região no G1 Oeste e Sudoeste.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Redação A Voz do Povo Do Oeste

Redação A Voz do Povo Do Oeste

Notícias que talvez Você Goste

Rolar para cima