A Voz do Povo do Oeste

crianca-de-8-anos-sobrevive-a-acidente-de-onibus-em-sp-e-comove-socorrista:-‘em-meio-a-tragedia,-ele-falava-de-deus-e-que-tudo-ia-ficar-bem’

Criança de 8 anos sobrevive a acidente de ônibus em SP e comove socorrista: ‘Em meio à tragédia, ele falava de Deus e que tudo ia ficar bem’

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email


Segundo a família, vó do menino morreu no ônibus após abraçar o neto para salvá-lo; eles viajavam para Maringá quando a batida aconteceu. Sete pessoas morreram e 32 ficaram feridas no acidente. Avó morreu no ônibus ao proteger o neto durante acidente no interior de São Paulo
Arquivo pessoal
O menino Gustavo Henrique de Oliveira, de oito anos, é um dos sobreviventes do acidente entre ônibus e caminhão, que matou sete pessoas e deixou mais de 30 feridas na SP-425, na segunda-feira (21), em Parapuã (SP). Em meio ao acidente, a criança surpreendeu os socorristas tentando acalmar as pessoas no local.
Entre as vítimas estava a avó da criança, Maria José da Silva, que tinha 60 anos e que viajava com o neto para Maringá, no norte do Paraná, cidade onde foi enterrada na quarta-feira (23). Segundo a família, ela jogou o corpo na frente do menino e o abraçou para protegê-lo na hora da batida.
Segundo o jornalista Cristiano Nascimento, ele foi ao local do acidente a trabalho, porém, diante da dimensão do ocorrido ajudou no atendimento das vítimas. Entre os feridos, ele socorreu Gustavo e ficou impressionado com a sensibilidade do menino.
“Em meio à tragédia, ele falava de Deus e que tudo ia ficar bem. Chamou atenção porque não era apenas um sobrevivente, era uma criança com muita fé. Ele dizia: ‘graças a Deus estou bem, graças a Deus minha vó me salvou e Deus vai salvar minha vó”, relembrou.
O repórter é formado como socorrista pelo Corpo de Bombeiros e, por isso, pode colaborar conforme orientação das equipes médicas.
Gustavo machucou o joelho e tornozelo, foi levado para um abrigo da cidade após a morte da vó. O menino está se recuperando e passa bem com a família, em Maringá.
Gustavo sendo socorrido pelo bombeiro e repórter Cristiano, no dia do acidente
Arquivo pessoal
Família
De acordo com a família da criança, a avó materna saiu com o neto de Goiânia (GO) para passar o fim de ano com a filha, que é mãe do Gustavo, em Maringá.
A avó insistiu para que o lugar dela fosse um dos primeiros bancos do ônibus, inclusive, mudou o dia da viagem para poder sentar mais perto do motorista.
Conforme mãe do menino, Marcia Cristina da Cunha de Oliveira, a mãe dela fez o que pode para proteger Gustavo.
“Minha mãe foi uma avó heroína porque salvou a vida do meu filho. Ela entrou na frente do meu filho quando foi acontecer o acidente. Ela pegou todo impacto da batida e graças a Deus meu filho sobreviveu. Ele tem uma força tão grande que é inexplicável, ele não chorou e manteve a calma.”
Segundo Marcia, a criança e a mãe dela estavam ansiosas para passar o Natal juntos, mas o acidente mudou os planos da família.
“O Gustavo relata tudo o que aconteceu. Tudo que ele viu, ele relatou tudo em detalhes do que aconteceu no acidente. Ele não chorou, é um menino muito forte. Se fosse outra criança tinha dado algum trauma. Eu ainda não sei se está tudo guardado dentro dele e se mais para frente vai desabafar tudo isso. Só sei que ele é muito forte.”
Uma das vítimas foi a vó de Gustavo, Maria José da Silva, que tinha 60 anos, e viajava com o neto
Arquivo pessoal
Comoção
De acordo com Cristiano, ele trabalha para Rádio Metrópole e já cobriu vários acidentes com vítimas graves. Mas nada o comoveu tanto como Gustavo, que falava para as pessoas terem fé.
O repórter encontrou o menino sentado sobre uma lona preta e parou para conversar.
“Não lembro de um momento negativo do Gustavo, pois ele estava sempre incentivando os socorristas que passavam. Fiquei preocupado com ele porque vi ele chamando socorristas, mas na verdade ele passava tranquilidade para nós. Ele dizia: ‘Deus vai te ajudar'”, disse.
VÍDEOS: Bom Dia Paraná de quinta-feira, 24 de dezembro
Veja mais notícias da região no G1 Norte e Noroeste.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Redação A Voz do Povo Do Oeste

Redação A Voz do Povo Do Oeste

Notícias que talvez Você Goste

Rolar para cima