A Voz do Povo do Oeste

evento-de-patinacao-e-encerrado-apos-aglomeracoes-em-cascavel,-diz-pm

Evento de patinação é encerrado após aglomerações em Cascavel, diz PM

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email


Evento foi organizado pela filha do deputado estadual Coronel Lee (PSL). PM informou que orientou organização sobre decreto estadual e encontro foi suspenso na sequência. Filha de deputado estadual faz evento com aglomeração de pessoas em Cascavel
Um evento de patinação, em uma escola particular de Cascavel, no oeste do Paraná, foi encerrado após denúncias de que o local estava com aglomeração de pessoas, segundo a Polícia Militar (PM). O caso foi registrado na sexta-feira (11).
O evento foi organizado pela filha do deputado estadual Coronel Lee (PSL). Conforme o parlamentar, o encontro foi realizado porque, diferentemente do decreto estadual, o município permite eventos respeitando protocolo sanitário.
Restrições diferentes em decretos estadual e municipal confundem planejamento de eventos, em Cascavel
“Saiu um decreto municipal em novembro. O que dizia lá no artigo primeiro? Que pode fazer, entre aspas, alguns eventos, mantendo o distanciamento social, fala de 25% da capacidade do local e com uso de álcool em gel. Então eu não inventei, isso está escrito. O evento foi encerrado, mas não por causa da ordem, foi uma conversa. Não existe elo de subordinação nossa com o executivo estadual e muito menos com o executivo municipal”, disse o coronel.
De acordo com a prefeitura, a organização não tinha solicitado o alvará municipal que autoriza a realização do evento.
O decreto estadual, que determinou a proibição do consumo e venda de bebidas alcoólicas e o toque de recolher, entre 23h e 5h, também proibiu a realização de festas ou confraternizações com mais de 10 pessoas.
Evento de patinação foi cancelado em escola particular, em Cascavel
RPC/Reprodução
Segundo o subcomandante do 6º batalhão da PM, Cícero Tenório, a apresentação de patinação foi suspensa após orientação da PM no local.
“Nós orientamos. Passou um tempo e retornamos no local. Contatamos que, de fato, eles já tinham encerrado, estavam guardando objetos que tinham utilizado e fizemos o procedimento como sempre é feito. Nesse caso específico, por envolver um parlamentar, deu-se uma repercussão maior do que o normal.”
Conforme a PM, a orientação para a suspensão do evento ocorreu como em qualquer outro caso com aglomeração e que não houve nenhum encaminhamento à delegacia porque a organização respeitou as orientações.
“Fiz contato com o parlamentar para ver se ele havia encerrado e atendido a orientação e quando eu liguei já havia encerrado o evento, ou seja, o decreto foi cumprido. Não houve, em momento algum, privilégio ou ação diferenciada do que tem sido feito. Nós temos um procedimento, que é geral no estado. Nós já fizemos casos semelhantes e não gerou qualquer repercussão”, disse o subcomandante.
Conforme a Secretaria Municipal de Saúde, até este sábado (12), Cascavel registrou 13.381 casos confirmados do novo coronavírus e 201 mortes pela Covid-19.
VÍDEOS: Vacina contra a Covid-19 no Paraná
Veja mais notícias da região no G1 Oeste e Sudoeste.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Redação A Voz do Povo Do Oeste

Redação A Voz do Povo Do Oeste

Notícias que talvez Você Goste

Rolar para cima